Produção de baterias para carro elétrico polui mais que gasolina

Um estudo realizado pelo Instituto Sueco de Pesquisa Ambiental – IVL, acabou com as esperanças de quem acreditava que os automóveis elétricos seriam a solução para a mobilidade sustentável. A fabricação das baterias destes modelos tem um impacto ambiental semelhante à utilização de um automóvel a gasolina por vários anos.
Um automóvel elétrico emite menos poluentes e ruídos, mas o impacto ambiental da sua produção é superior aos modelos convencionais.
A produção de baterias de lítio emite de 150 a 200 Kg de dióxido de carbono por cada KWh de energia gerada pela bateria. Isso significa que o veículo da Tesla com bateria de 100 KWh já enviou 15 a 20 toneladas de CO2 para a atmosfera.
Um carro a gasolina, que emite 120g/km, e não está na lista dos mais ecológicos, emite a mesma quantidade de dióxido de carbono ao percorrer 125.000 quilômetros.